Telhado - Os Espinhos no Caminho das Rosas - Tópico: Reflexões Página: 51

 

Entre o vinho e o limão.

Entre a taça e o Bourbon.

Entre e sai do coração.

Entre as notas da canção.

Paraíso de ilusão

Entre a morte e o perdão.

Entre o certo e a razão.

Estrada sem chão.

 

Entre o câncer e a cura.

Entre e sai da loucura.

É o fim que nunca dura.

É a noite que te procura.

 

Não importa por onde entra,

Toda dor se sustenta.

Mesmo sabendo que no amanhã

É a morte que te acalenta.

 

Entre a beleza e a tristeza,

Entre a face e a silhueta,

Entre a fome e a fartura,

Entre e sai de toda culpa.

 

Buscaria seu reinado

Se pudesse ser desprezado,

Pois quem vive de luxuria

Esquece-se que é frágil este telhado.

 

É de esmola que te conto

Sobre o orgulho do passado

Que te fez esperar solitário

Feito gato no telhado.

 

Não importa o que faça,

Importante não viver de farsas,

Pois enquanto te enganas

O fim já te abraça.

 

Entre a cruz e a verdade.

Entre e sai da vaidade.

Quer ser feliz?

Viva a realidade.

 



 

 

 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Destaque do mês

1º LIVRO DO ANO - RESENHA CREPÚSCULO - DESAFIO DE RELEITURA - PARTE 2

 RESENHANDO CREPÚSCULO   DESAFIO DE RELEITURA by Cláudia Coelho @claudiacoelhoautora      Em novembro de 2021 a adaptação cinematográfica de...

Preferidas do Público