A Constelação de Órion - Episódio II - Mintaka, Alnitak e Alnilam - As Três Marias

As Três Marias - Tela de Renato Galvão
Situadas na importante Constelação ou Cinturão de Órion, sem dúvida uma das mais belas do nosso céu, os Sistemas Mintaka, Alnitak e Alnilam, são estrelas fabulosas de uma grandeza e beleza inigualáveis. Vê-se nestes aglomerados de estrelas, distantes mais de 500 anos-luz do nosso planeta, a divina e amorosa obra do Grande Artista, o Criador. Mostraremos características, superstições e crendices que envolvem Mintaka, Alnitak e Alnilam, as nossas Três Marias. Então, vamos lá...





Mintaka (Delta Orionis)

Cinturão de Orion, com Mintaka à direita
Mintaka não é simplesmente uma estrela, trata-se de um sistema estelar múltiplo na Constelação de Órion. O sistema Delta Orionis (Mintaka) é constituído por uma estrela principal de magnitude 7 que está a 52s de arco da principal e uma outra estrela mais fraca ainda de magnitude 14. O sistema é duplo, consistindo de uma estrela gigante de classe B e outra menor de classe O, orbitando em torno de si a cada 5,73 dias da Terra. Ou seja, Mintaka é uma estrela super gigante azul, distante da Terra 690 anos-luz localizada na parte ocidental da Constelação de Órion. Esta “Maria” é 20 vezes maior e brilha mais de 10 mil vezes que o nosso Sol, sua temperatura chega à casa de 60.000° C.



Alnitak (Zeta Orionis)

Alnitak (canto inferior direito)
Alnitak é um Sistema Triplo situado a esquerda do Cinturão de Órion se nos orientarmos pelas estrelas Rígel acima e Betelgeuse abaixo. Suas características igualam sua massa e temperatura a Mintaka, dista 736 anos-luz da Terra, é 7000 vezes mais brilhante do que nosso Sol. Esta característica deu-lhe o título de estrela de classe O mais brilhante dos céus. A super gigante azul de magnitude absoluta (5,25) de aparente de 1,70, daí vem o seu imbatível titulo de mais brilhante. Por se tratar de um Sistema Triplo, Alnitak tem duas companheiras de magnitude 4 orbitando em sua volta.




Alnilam (Epsilon Orionis)

Alnilam 
É a quarta estrela mais brilhante da Constelação de Órion. Trata-se de uma super gigante azul-branca de tipo espectral distante 1340 anos-luz da Terra. É cercada por uma Nuvem Molecular (NGC 1990) iluminada pelo seu brilho. Libera ventos solares a velocidade de 2000Km/s, causando-lhe a perda de massa superior a 20 milhões de vezes mais rapidamente que o nosso Sol. Situada no centro do Cinturão de Órion, seu brilho é 20 milhões de vezes maior que o Sol com uma temperatura aproximada de 50.000° C e com massa superior a 20 milhões de vezes maior que o Sol. Para se ter uma ideia do tamanho de Alnilam, os astrônomos costumas dizer que se ela fosse colocada no ponto onde está Sol, ocuparia a distância compreendida entre o Sol e Marte. Ou seja, ela engoliria Mercúrio, Vênus, Marte e provavelmente aqueceria tanto a Terra que esta não poderia sustentar qualquer tipo de vida. Porém, isto é apenas um exemplo do tamanho e magnitude de Alnilam. Há grandes probabilidades de Alnilam se tornar uma gigante vermelha que a levará a uma grande explosão como uma supernova num futuro próximo.



Curiosidades e lendas

Alnilam - Tela Renato Galvão

Vamos conhece um pouco mais sobre Mintaka, Alnitak e Alnilam, as nossas Três Marias. Seus nomes vêm do idioma Árabe e significam “O Cinto”, “A Corda” e “A Pérola”, respectivamente, elementos que o gigante caçador Órion usava. Mas, há controvérsias. Há quem diga que o nome Árabe dado a Mintaka traduzido é “Área”. Controvérsias à parte, eu prefiro para Mintaka a tradução de “O Cinto”.






Mintaka, Alnitak e Alnilam estão envolvidas em superstições e lendas, a saber:

Verrugas: A primeira e talvez a mais popular é a superstição que dizia que apontar um dedo para as Três Marias faz com que verruga ou verrugas nasçam no dedo. Lembro dessa advertência na minha infância quando minha mãe ou avó nos repreendia quanto a esta superstição.

Além da mitologia sobre Órion, existem variados significados para as Três Marias, entre as tantas, as mais populares são:

Os cristões acreditam que as Três Marias fazem referencias as mulheres que visitaram o túmulo de Jesus após a ressurreição.

Três Reis Magos: Outros dão um significado símbolo as Três Marias acreditando que estas representam Gaspar, Melquior e Baltasar a caminho de Belém para visitar Jesus e dar-lhe presentes por ocasião de seu nascimento.

Símbolo da fertilidade: Já os índios das tribos guaranis reverenciam as Três Marias dizendo que elas são o Joykexo, algo relacionado a fertilidade.



Mintaka, Alnitak e Alnilam - As Três Marias

Bem, superstições, lendas ou crendices não são capazes de expressar a beleza da Constelação de Órion e suas belíssimas e antigas estrelas, só Mintaka tem 3.002.000 anos aproximadamente.  E o mais importante... Olhar o céu ver centenas, milhares de estrelas acompanhadas pelo belo brilho prata da lua, nos faz conceber o grande amor que seu Criador tem por nós e por toda a sua criação. Contemplamos sempre que queremos, pois está a nossa disposição toda essa beleza, a obra do maior Artista de todo o universo. Nosso Criador não economizou amor, carinho, bondade e talento para criar a sua obra. 




O que temos que fazer? 

Admirar, agradecer e cuidar de tudo que nos foi dado. 

O paraíso é aqui...


No Episódio III detalharemos, as Nebulosas, Galáxias, Chuva de Meteoros e outros tópicos. Logo depois, no Episódio IV, abordaremos Curiosidades e Lendas, um capítulo que nos mostrará histórias tragicômicas envolvendo deuses e personagens humanos. Encerraremos, no Episódio Final, com todas as informações sobre a estrela Betelgeuse (Estrela que forma o quadrilátero brilhante em torno das Três Marias) que tem seus dias contados. Acompanhem...



 

Fontes:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Orion_(constela%C3%A7%C3%A3o)

https://conhecimentocientifico.r7.com/tres-marias-estrelas/

https://www.ufmg.br/espacodoconhecimento/tres-marias/

https://www.cecierj.edu.br/2020/07/09/cade-as-tres-marias-saiba-mais-sobre-as-estrelas-olhando-para-o-ceu/

https://www.preparaenem.com/historia/mito-orion-as-estrelas-tres-marias.htm

https://super.abril.com.br/ciencia/a-constelacao-de-orion-esta-prestes-a-perder-sua-estrela-mais-brilhante/

https://astronomy-universo.blogspot.com/2013/10/cinturao-de-orion-as-tres-marias.html

https://conhecimentocientifico.r7.com/tres-marias-estrelas/



 

COLETÂNEA POÉTICA PALAVRA EM AÇÃO

Informações e Regulamento. 
Contate: 
jornal.alecrim@gmail.com

PARTICIPE.

Comentários